Posts da Tag: comportamento

Objetos decorativos feitos de skate

domingo, novembro 3, 2013 @ 10:11 PM Autor: evom

Um dos artigos mais lidos aqui no evom é o que escrevi em 2010 sobre móveis de skate. Muitas pessoas me escrevem perguntando onde comprar esse tipo de acessório e hoje vou dar uma dica bem legal para você que quer ter um móvel de skate em sua casa.

Banco de skate

Banco de skate | skate-home

No site skate-home é possível encontrar diversos tipo de objetos decorativos, móveis e acessórios feitos de skate. Cadeiras, bancos, relógios de parede, racks, separadores de livros, e outros acessórios feitos para amantes do esporte das quarto rodinhas.

O site promete entregar em qualquer lugar do mundo e o lado “ruim” é que os preços são em Euro, o que torna os produtos muito caros para nós aqui no Brasil.

Carrinho de bebê longboard

sexta-feira, julho 26, 2013 @ 02:07 PM Autor: evom

Este artigo vai para os skatistas pais de crianças pequenas ou bebês. Imagine o que é levar seu filho(a) para passear em um carrinho de bebê longboard. É isso mesmo! A engenhoca existe e chama-se LongboardStroller.

Carrinho de bebê longboard

Carrinho de bebê longboard

A invenção surgiu para tentar amenizar o problema de locomoção e mobilidade urbana. Quando ficamos sabendo do projeto, nós aqui do evom, imaginamos que era idéia de algum skatista ou apaixonado pelo esporte. Mas não.

A idéia é sensacional e, mais que isso, o resultado final ficou muito bem acabado e de fácil utilização no dia-a-dia.

Ainda não ví este carrinho de bebê longboard a venda aqui no Brasil. Se você se interessou pelo LongboardStroller, acesse o site do projeto.

Go longboard!

O desafio de ser skatista

segunda-feira, março 11, 2013 @ 09:03 AM Autor: evom

Ser skatista não é pra qualquer um! Se você que lê esse artigo não é da classe não se sinta ofendido ou menosprezado. Afinal de contas, ser skatista tem seu preço e nem todos estão dispostos a pagá-lo.

O skate é um esporte que marcou época e é referencia para toda uma geração. Sou do tempo em que skate era coisa de maloqueiro e um dos esportes (senão o esporte) mais discriminado de todos. Hoje a coisa mudou um pouco, mas mesmo assim o skate ainda é visto com maus olhos por muitos. Vide os tristes casos da Praça Roosevelt e dos conflitos eternos com moradores de diversos bairros de São Paulo, inclusive moro aqui na ZN, que já foi reduto de skatistas na década de 90, época da ZN Skatepark.

Go skate!

Go skate!

Ser skatista não é tarefa fácil, mas posso dizer sem duvida que é uma das mais legais. É muito mais que ser caracterizado por roupas, estilo musical, ou comportamento. Tudo isso faz parte do skate, mas não só isso.

Praticar skate é mais que se rebelar contra o sistema. É ser determinado e exigente. É ser sonhador. Ser skatista é não aceitar não voltar uma manobra. É não se conformar em ser “normal”. É ajudar o amigo e ser ajudado por um amigo. É ir para o rolê com pouca, ou nenhuma, grana e dividir o pão seco com os brothers. Skate é camaradagem!

Nem todo mundo entende o sentimento de um skatista, mas eu entendo. Quem pratica skate quer ser diferente da maioria, e nessa de querer ir na contramão alguns se perdem pelo caminho.

O incidente entre skatistas e a GCM na Praça Roosevelt

quarta-feira, janeiro 9, 2013 @ 07:01 PM Autor: evom

Ai ai…

Este é meu primeiro texto no blog de 2013, e infelizmente é para manifestar-me sobre um assunto desagradável.

Se você anda de skate, ou tem alguma simpatia pelo esporte, provavelmente ficou sabendo do recente incidente envolvendo skatistas e policiais da GCM (Guarda Civil Metropolitana) que ocorreu na Praça Roosevelt, no Centro de São Paulo. O vídeo da confusão reverberou na web nos últimos dias que inclusive gerou comentários do Bob Burnquist e Lincoln Ueda pelo Twitter.

Skate não é crime

Skate não é crime

Sou do tempo em que skatista era tratado como marginal e o esporte era mal visto por toda a sociedade. Dizem que a sociedade vive em constante evolução, mas como estamos vendo, isso não é uma regra devido a fatos e opiniões como a que li de um jornalista da revista Veja, também comentada pelos skatistas Otavio Neto e Formiga, da ESPN.

Mas antes de expressar minha opinião, vou trazer alguns dados importantes para os jornalistas desavisados quem leem este blog.

O skate é um esporte sim, e é o segundo mais praticado no Brasil. Somos quase 4 milhões de skatistas praticantes deste esporte que não para de crescer. O país é o segundo principal mercado de skate do mundo, perdendo apenas para os Estados Unidos.

Quem acompanha o EVOM sabe que apesar de sermos skatistas, nós não passamos a mão na cabeça dos praticantes que desrespeitam regras. Também escrevemos e cobramos os governantes para que possamos ter melhores condições para a prática do skate em São Paulo. Já foi muito escrito aqui sobre os conflitos entre skatistas e moradores de São Paulo. Ambos merecem o mesmo respeito, assim como  os frequentadores e pedestres que circulam pela região onde é praticado o esporte − inclusive a Praça Roosevelt.

Até entendo essa apatia de parte da população e da “mídia” com os skatistas. Em certo ponto os próprios skatistas são responsáveis por essa imagem ruim que foi construída sobre a prática do skate. E os próprios skatistas são responsáveis por mudar essa visão. Não concordo com a falta de respeito e atos inconsequentes de parte da comunidade do skate (a minoria é desrespeitosa), mas tratar os skatistas como “marmanjos — que, tudo indica, já estão com a vida ganha”, já é demais.

Não sei o que desencadeou a ação da GCM na Praça Roosevelt. Se os skatistas presentes na ocasião estavam errados (não sei porque não estava lá) o papel da Polícia não deveria ser o que vimos no vídeo. O Skate é um esporte que marcou e é sinônimo de comportamento de toda uma geração, mas ser radical não significa faltar com o respeito.

Tudo bem caro jornalista da Veja, eu não guardo mágoa nem ressentimentos. Como bom skatista e cidadão que sou o perdoo e o convido para uma session qualquer dia desses. Assim você poderá ver que skatista não é “marmanjo com a vida ganha”.

Go skate!

Planejamento pessoal para 2013

quarta-feira, dezembro 19, 2012 @ 12:12 PM Autor: evom

O ano de 2012 está chegando ao fim e como em todos os anos anteriores, nessa mesma época, eu escrevo algo sobre planejamento pessoal para o ano novo. Esse ano foi muito especial! Aprendemos muito e tenho prazer em compartilhar boas experiências com os leitores do evom.

Planejamento pessoal para 2013

Planejamento pessoal para 2013

Nunca respondi tantos e-mails e comentários aqui no blog como em 2012. Pessoas me pedindo ajuda e opinião para montar um skate ou longboard, para compartilhar experiências de fé, gente metendo o pau e nos xingando. Enfim, teve de tudo. Foram mais de 1.900 comentários aprovados e respondidos. Perdi a conta de quantos e-mails eu respondi, mas tenho certeza que foram mais de 2.700. Tudo feito com muita alegria em colaborar para o crescimento do skate e do longboard no Brasil e compartilhar mensagens de fé, o que é o principal para nós.

Todos que acompanham esse blog sabem que acreditamos em Jesus Cristo e isso não é motivo de vergonha para nós, mas sim um estilo de vida muito agradável. Na verdade o melhor e mais agradável estilo de vida de todos! Somos gratos a Deus por todas as oportunidades que nos proporcionou nesse ano e por todos os erros e acertos. Apesar das dificuldades (elas sempre virão) eu termino 2012 melhor do que terminei 2011 e espero que você que está lendo esse artigo também esteja com o sentimento do dever cumprido.

A mensagem para você que está planejando sua vida para o ano que vem − ou para você que não tem perspectiva nenhuma para o ano que vem − nada tem a ver com religião, regras doutrinárias, fanatismo, bla bla bla. Para você que está fazendo, ou quer fazer, um planejamento pessoal para 2013 a minha dica é o texto de Provérbios 3:5 e 6.

“Confie no SENHOR de todo o coração e não se apóie na sua própria inteligência. Lembre de Deus em tudo o que fizer, e ele lhe mostrará o caminho certo”.

O “segredo” é confiar em Deus e ter humildade para reconhecer que precisamos Dele. Planeje sua vida para 2013 com confiança de que na hora da dificuldade, Deus pode lhe mostrar a saída. Ele está no controle de tudo e de todos! Basta você acreditar!

Desejo à todos os leitores do evom um feliz 2013, com muita saúde, muito skate ou qualquer outro esporte de ação, e, fé em Jesus Cristo. Nós (eu e você) temos a vitória que vence o mundo: a nossa fé em Jesus Cristo.

Go 2013!

Página 1 de 1112345...10...Última »